-A A +A
Departamento de Administração dos Órgãos Colegiados Superiores

Título III

 

TÍTULO III

DAS ATIVIDADES UNIVERSITÁRIAS

 

 

CAPÍTULO I

DO ENSINO

 

 

Art. 74. O ensino será ministrado nas seguintes modalidades de cursos ou programas:

 

I.              de graduação;

II.             de pós-graduação;

III.            de extensão.

 

    Parágrafo único. A Universidade poderá organizar outros cursos para atender as exigências de sua programação específica e as peculiaridades do mercado de trabalho, na forma prevista em lei.

 

 

Art. 75. O Regimento Geral da Universidade disciplinará as condições de ingresso nos diferentes cursos, o regime de estudos e a avaliação do aproveitamento, as áreas de habilitação acadêmica ou profissional e os demais aspectos relativos ao ensino, observadas às normas da legislação em vigor.

 

CAPÍTULO II
DA GRADUAÇÃO

 

Art. 76. A graduação na Universidade será voltada para a busca, produção e socialização de conhecimentos e técnicas, e será utilizada como recurso de educação destinado à formação ética, científica e cultural.

 

CAPÍTULO III

DA PESQUISA E DA PÓS-GRADUAÇÃO

 

 

Art. 77. A pesquisa e a pós-graduação na Universidade serão voltadas para a produção de novos conhecimentos e técnicas, e utilizadas como recurso de educação e ensino destinados ao cultivo da atitude científica indispensável a uma correta formação de grau superior.

 

 

Art. 78.  A Universidade incentivará a pesquisa por todos os meios ao seu alcance, entre os quais os seguintes:

 

I.              concessão de bolsas especiais de pesquisa em categorias diversas, principalmente na de iniciação científica;

II.             formação de pessoal em cursos de pós-graduação próprios ou de outras instituições nacionais ou internacionais;

III.            auxílios para execução de projetos específicos;

IV.                realização de convênios com entidades nacionais ou internacionais, visando à programação de investigação científica;

V.                  intercâmbio com outras instituições científicas, estimulando os contatos entre pesquisadores e o desenvolvimento de projetos em comum acordo;

VI.                divulgação das pesquisas realizadas pela Universidade;

VII.               promoção de congressos, simpósios e seminários para estudo  e debate de temas científicos.

 

 

Art. 79. A execução dos projetos de pesquisa que não ultrapassarem o âmbito de um Departamento será coordenada por um docente desse Departamento; a dos que envolverem mais Departamentos de um mesmo Centro ou de vários Centros será coordenada por um docente escolhido de comum acordo entre os envolvidos e mediada pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação e a coordenação dos que envolvam qualquer unidade universitária e entidades públicas ou particulares, será conforme o estipulado nos convênios ou acordos.

 

 

Art. 80. O orçamento interno da Universidade consignará verbas destinadas à pesquisa, para assegurar e tornar cada vez mais efetivo o exercício desta função universitária.

 

CAPÍTULO IV
DA EXTENSÃO

 

Art. 81. A Universidade promoverá a extensão de suas funções de ensino e pesquisa com o objetivo de contribuir, de forma imediata, para o desenvolvimento material, científico e cultural da comunidade.

 

 

Art. 82. A extensão poderá alcançar o âmbito de toda a coletividade ou dirigir-se a pessoas e instituições públicas ou privadas, abrangendo cursos e serviços que serão realizados à vista de planos específicos e no cumprimento deles.

 

 

Art. 83. Os cursos de extensão universitária serão oferecidos ao público em geral, com o propósito de divulgar conhecimentos e técnicas de trabalho, podendo desenvolver-se em nível universitário ou não, de acordo com o seu conteúdo e o sentido que assumam em cada caso.

 

 

Art. 84. Os serviços de extensão universitária, incluindo assessoria, serão prestados sob formas diversas de atendimento de consultas, realização de estudos e elaboração ou orientação de projetos em matéria científica, técnica e educacional, bem como de participação em iniciativas desta natureza ou de natureza artística e cultural.

 

 

Art. 85. As atividades de estágio extracurriculares, que deverão garantir ao estudante a aprendizagem social, profissional e cultural, nos termos da legislação pertinente, serão gerenciadas pela Pró-Reitoria de Extensão, em estreita cooperação com os colegiados de curso.

 

 

Art. 86. A Universidade, através de suas atividades de extensão, proporcionará ao corpo discente:

 

I.              oportunidade de participar de programas para melhoria das condições de vida da comunidade e do processo geral de desenvolvimento;

II.             meios para realização de programas científicos, culturais, artísticos, cívicos e desportivos;

III.            atividades de educação cívica e de desportos, mantendo para o cumprimento desta norma, orientação adequada e instalações especiais com o fim de estimular, visando à formação  indispensável, a criação de uma consciência de direitos e deveres do cidadão e do profissional.

 

 


 

Transparência Pública
Acesso à informação
Reuni

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910